terça-feira, 14 de outubro de 2008

A MANIFESTAÇÃO DO DIA 15 DE NOVEMBRO COMUNICADA AO GOVERNO CIVIL DE LISBOA

Já está!


Eram 10horas 18minutos e 38segundos de hoje 14 de Outubro, quando três determinados professores da APEDE e do MUP, mandatados por uma Assembleia Geral de professores ocorrida dias antes nas Caldas da Rainha, entraram no governo civil de Lisboa determinados a dar conhecimento às autoridades e a preencher os requisitos legais para a convocação de uma manifestação de professores a ocorrer no dia 15 de Novembro.

Local de concentração: Marquês de Pombal, Lisboa.
Dia e Hora: 15 de Novembro, às 14 horas.

Segue-se desfile pela Rua Braancamp, Largo do Rato, Rua de S. Bento, terminando a manifestação em frente da Assembleia da República.


Contamos com todos!
Todos fazem falta!
Todos seremos poucos!

14 comentários:

Ricardo Silva disse...

E fizeram muito bem! E denotaram muita coragem, se pensarmos um pouco...! Só por isso um grande obrigado, deste vosso colega!
FORÇA!!! JUNTOS VENCEREMOS!!!

Anónimo disse...

muito bem!Obrigada e parabéns!

Professor disse...

Muito bem a manif e a data mas muito mal o local. Ir num sábado para a frente de uma AR vazia é ridículo.

APEDE disse...

colega professor,

tem um sentido simbólico...apenas isso! SE fosse durante a semana a Assembleia não nos receberia, logo é indiferente!

Anónimo disse...

Lá estarei!

Moriae disse...

Muito bem!
Podemos sempre convidar os senhores deputados a reunirem-se lá, à porta, connosco. Assim não perturba o seu trabalho semanal!
Abraço à APEDE,
M.

Regina Maria disse...

Muitos PARABÉNS!
Portugueses de GEMA é que nós precisamos!...
De tão cansados e desanimados que estamos,até parece que já é final do terceiro período... NÃO DÁ PARA AGUENTAR!
O que o DESGOVERNO quer é que os profs desistam e se aposentem antes da idade... Poupam dinheiro nas reformas e entretanto arranjam mão de obra barata.
Isto é PURA ESCRAVATURA!...
FORÇA! Lá ESTAREMOS.
Regina Simões

Ai meu Deus disse...

Estou nessa. Estou nessa. E fiz-me eco... Em http://aijesus.blogspot.com/2008/10/recebido-por-email-85-fartos-deste.html

Força!

Anónimo disse...

È óbvio que o Mário Nogueira quer ver se destroi os movimentos de professorse que não controla. Primeiro assinou um memorando vergonhoso tirando os professores da rua e agora diz que 15 de Novembro é tarde. O que ele não diz é que é um burocrata que vive às contas do sindicato e que faz politica não para defender os professores mas para ver se consegue uma coligação do PC com o PS. O PC quando não controla as coisas faz tudo para as destruir ara garantir que não perdem os seus tachos no sindicato. Viva a manif de dia 15!
Ana Santos, professora

Anónimo disse...

Sugiro que a APEDE, o MUP e o PROMOVA se associem e solicitem desde já audiências aos partidos representados na Assembleia da República, bem como à Casa Civil da Presidência da República, a fim de dar conhecimento das problemas que afectam actualmente a classe docente e o funcionamento das escolas.
Por outro lado, a planificação de plenários, pelo menos ao nível de cada capital de distrito, deverá ser levado em linha de conta para uma devida preparação da mega manifestação do dia 15 de Novembro.

http://pro_multimedia.blogs.sapo.pt/ disse...

colegas, agora é altura de união e lutar com a força que temos

todos juntos venceremos

Anónimo disse...

São uma vergonha para a classe de Professores! Trabalhem mais e deixem-se de lamúrias! Qunato menos fazem, menos querem fazer!

Anónimo disse...

Força colegas! Precisamos de todos! Lisboa dia 15!

Anónimo disse...

CONCENTRAÇÃO NAS CAPITAIS DE DISTRITO PARA QUEM NÃO PODE IR A LISBOA:

BRAGA na Arcada às 15 horas.

PORTO frente à Câmara
15 HORAS


profª.

EMAIL da APEDE: correio@apede.pt
  • Ligações a ter em conta
  • site da APEDE
  • A sinistra ministra
  • A Educação do meu Umbigo
  • ProfAvaliação
  • outrÒÓlhar
  • M.U.P
  • o estado da educacao
  • o cantinho da educacao
  • educação sa
  • correntes
  • movimento escola pública
  • As Minhas Leituras
  • ultimaseducativas
  • PROmova
  • educar resistindo
  • escola pública
  •